Afinal, o que é merchandising?

Afinal, o que é merchandising? Conceitos, prática e resultados

Afinal, o que é merchandising?

Entenda como funciona essa prática voltada ao ponto de vendas

Tudo o que você precisa saber sobre merchandising: conceitos, prática e resultados

Entre os principais conceitos do Trade Marketing está o merchandising. Apesar de ser um termo relativamente comum para empresas e consumidores, algumas pessoas ainda não entendem como efetivamente esse processo se dá esta prática. Para começarmos explicando o que é o merchandising utilizamos como referência o que um dos mais veneráveis autores do marketing, Phillip Kotler, convenciona: é ter todas as estratégias no ponto de venda (PDV) da maneira mais eficaz possível, aumentando as vendas, rodando o estoque e referenciando a marca. Contudo, o merchandising engloba outras características que a Top Trade traz neste texto.

Leia tambémAs principais estratégias de distribuição e execução de vendas no trade marketing

Ação no PDV

É importante destacar que o merchandising se dará no PDV e não em peças publicitárias nas mídias – sejam elas físicas ou digitais. Ou seja, se você ver uma propaganda dentro de um programa de televisão acerca de determinado produto, isto corresponderá a um informe publicitário e não ao merchandising – que ocorrerá apenas quando falamos de estratégias e ações dentro do PDV.

Para que o merchandising seja realizado dentro do ponto de venda é preciso estar atento a inúmeras características que o compõem: o produto e o número de itens colocados à mostra, com um preço que seja atraente para o consumidor e com elementos gráficos que referenciem para a marca e/ou produto. Resumindo, o merchandising será uma estratégia de Trade Marketing que buscará a melhor forma de vender algo dentro de um PDV.

Importância do merchandising

Mas, efetivamente, o que o merchandising traz para a empresa? Como dito, entre os principais benefícios está a exposição da marca de maneira física, permitindo que os consumidores tenham contato sensorial e prático com o produto, diferente de outras ações de marketing que buscam apenas o contato visual – como as mídias digitais. Outro ponto é dar rodagem ao estoque: este tipo de ação permite que as empresas tenham menos custos em manter muitos produtos estocados, gerando economia ao mesmo tempo em que induz o público a conhecer a marca.

Ele também pode ser uma ação de divulgação: pense que você tem um novo produto que busca colocar no mercado e precisa que o público saiba que ele está à venda. No merchandising você irá treinar seus promotores para que eles possam ter todas as informações deste novo item, colocando-o em PDVs estratégicos e conquistando a atenção do consumidor de acordo com a forma que organizar o local. Em vários segmentos essa é a forma mais efetiva de divulgar: fazer com que as pessoas conheçam, na prática, o que você está vendendo – que, nas melhores estratégias, começa com uma ideia e termina no produto.

Merchandising é consolidação

Para quem busca se consolidar com a marca/produto, precisa de uma estratégia de merchandising. Isto pode ser realizado através da definição do público-alvo, atraindo-o com a organização e apresentação do produto, com um PDV feito sob medida para gerar as melhores sensações no consumidor. Promoções, descontos, elementos visuais e várias outras características também contribuem para um merchandising efetivo que, se bem traçado, pode ser o principal ponto do Trade Marketing de uma empresa.

Com a tecnologia, podemos extrair o máximo possível do merchandising – como os serviços oferecidos pela Top Trade. Junto ao nosso aplicativo, é possível ter um controle sobre o PDV e os promotores de forma efetiva, analisando quais estratégias precisam ser melhoradas e aquelas que trazem consumidores para o seu negócio. Com um formulário simples e dinâmico, você tem a contribuição dos nossos consultores, que irão te ajudar a fazer seu empreendimento crescer através do Trade Marketing – e, consequentemente, do merchandising.

Leia também: 

6 dicas para ser o melhor promotor de marketing

Planejamento a longo prazo: Os desafios dos gestores de trade marketing